quarta-feira, outubro 25, 2006

comunicado de imprensa da CPC Porto

Como reacção aos últimos protestos efectuados no exterior e principalmente no interior do Teatro Rivoli, contra a anunciada intenção do Executivo Camarário de passar a gestão do Teatro Municipal para mãos privadas, a Juventude Popular do Porto vem por este meio manifestar a sua mais veemente discordância com a lamentável forma de contestação usada ao longo de 4 dias pelos auto-intitulados “agentes culturais” que ocuparam ilegalmente aquele espaço, através da sua invasão indevida.

O projecto da Câmara do Porto em questão havia já estado em discussão pública, sem que nesse período a voz dos que agora propalam discordâncias de princípio se tivesse feito ouvir. A opção da Câmara Municipal é a mais equilibrada, limitando-se a alterar o modelo de gestão do Teatro Municipal, que manifestamente não era sustentável. Isto é um facto bem distinto das versões pervertidas que se têm ouvido da boca de muitos manifestantes, já que a alteração do modelo de gestão é bem distinto da venda do Teatro Municipal aos privados ou da sua conversão numa empresa.

Assim, a Juventude Popular do Porto apoia em toda a amplitude as atitudes e posições tomadas até ao momento pelo Executivo Camarário e particularmente pelo Exmo. Vereador da Cultura, nomeadamente no que diz respeito à reposição da legalidade, já que a democracia tem canais abertos para a discussão, aos quais quem discorda pode fazer recurso sem ter que violentar a ordem pública.

A Juventude Popular do Porto, sendo uma juventude preocupada com equilíbrio e funcionamento da nossa sociedade civil, defenderia sempre que, caso os ocupantes não desistissem da ocupação, as autoridades policiais devessem intervir para por pacificamente fim à ocupação, de forma a garantir o clima de tranquilidade na sociedade Portuense, facto que foi precisamente o verificado durante a madrugada de hoje.

A Comissão Política Concelhia do Porto da Juventude Popular

8 Comments:

Blogger Olyssipo said...

LISBOA CAPITAL O RESTO É PAISAGEM. ENXERGUEM-SE PROVINCIANOS!!

25 outubro, 2006 03:04  
Blogger Alter-Real said...

Tenho pena que o provinciano de mente pouco esclarecida sejas tu!!!
A ultima vez que vi, Portugal era uno, não era só paisagem, apesar de as haver muito belas no nosso País.

25 outubro, 2006 03:14  
Blogger João Ribeirinho said...

caro olyssipo,
Não achas que fica mal dizeres o que dizes? Já acho que é altura de por um ponto final nestas conversas... mas por acaso, só por acaso, estas conversas costumam surgir após uma visita do saudoso FCP a terras sulistas...e também proximas duma mais que possível "enrabadela" d um clube de nome SLB em terras nortenhas...
Sinceramente acho que estas rivalidades estupidas deveriam acabar... Mas também é engraçado que nós aqui por terras nortenhas temos uma qualidade de vida um pouco superior aos MOUROS... veremos... não temos de tar na "bicha" matinal pa sair do fogueteiro passar no garrafão da ponte, entalarmo nos na baixa da banheira pa apanhar o cacilheiro, descarregar no cais do sodré e após perder horas nisto ainda ter que apanhar o metro ou algum transporte público mal cheiroso pa ir para o trabalho...e como se isso não bastasse andam de meia branca, paneleira de baixo do braço, toyota corolla ou nissan primera e tirando meia dúzia de pessoas que vivem em cascais ou no restelo a maioria de vcs são uns provincianos frustrados... Também não somos nós que ao fim de semana temos aqueles programas muito muito muito muito foleiros d ir para a costa da caparica...portanto é melhor piares fininho quando te referes ao resto do país como paisagem e ao resto das pessoas como provincianas!

25 outubro, 2006 11:49  
Blogger André Barbosa said...

Pónei olyssipo,

Isso é tudo insegurança? Será necessario escreveres num blog, que Lisboa é a capital? Nada tenho contra os provincianos, mas uma vez que és um deles, podias e devias, assumir uma identidade. Olyssipo é muito pónei, não tens um nome de Homem ? Quando se trata com pessoas educadas, de facto é muito melhor...

25 outubro, 2006 12:56  
Blogger appaloosa said...

Meus amigos:
A culpa não é do ponei olyssipo.
Infelizmente, Lisboa está carregada de provincianos complexados, envergonhados com as suas origens e obcecados com a ascenção social.
Assim fingem que Lisboa é o centro de tudo, à boa maneira do império romano.
São estes que tentam centralizar tudo em Lisboa, ignorando o resto do país.
Felizmente, ainda há boa gente e descomplexada em Lisboa, que procuram desviar esta tendência centralista e primitiva.

25 outubro, 2006 13:28  
Blogger s said...

Caros amigos,

(permitam-me ignorar as olyssipices)

Queria deixar aqui os meus parabéns à CPC Porto pelo excelente comunicado!

Continuação de bom trabalho,

25 outubro, 2006 20:05  
Blogger inimigo do ponei said...

Aparecem estes poneis, qual D.Sebastião, que do alto da sua soberba,se é que sabem o que isso é, fazem uso do dom que é a palavra e nos apelidam de provincianos.Gostava de apelar á consciêcia de um senhor que se auto-intitula, o que sinceramente me dá uma grandessisima vontade de rir, mas enfim, olyssipo(já agora alguem me pode esclarecer se existe a possibilidade de pôr a letra ainda mais pequena, é que apeteceu-me agora, não sei porquê), que para além da capital existem sempre tão boas( ou mesmo melhores)cidades, a tantos níveis. A ver: Madrid- BARCELONA;Roma- FLORENÇA;Rio de Janeiro;Nova Iorque..enfim podia continuar mas não me apetece dar aulas de geografia e sociologia.Sim, sociologia.
Na esperança que o insensivel, a tocar o cruel, COMBATE ao PONÉI não seja desviado do seu caminho neste excelente BLOG,peço desculpa pelo extenso post, com os melhores cumprimentos do seu maior INIMIGO!

25 outubro, 2006 20:06  
Blogger André Barbosa said...

Excelente trabalho da CPC-Porto, outra coisa não seria de esperar desta equipa.

Parabéns.

26 outubro, 2006 01:57  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home