terça-feira, novembro 28, 2006

Puro desabafo...

É importante e não menos interessante fazer um exercício de comparação entre a mentalidade Norte-Americana e a Portuguesa, quando se trata de Estado. Pois bem, nos E.U.A quem vive à custa do Estado, ou seja, quem recebe um subsídio para viver é classificado como “looser” – leia-se falhado. Ora, curiosamente em Portugal, o mesmo subsídio-dependente é chamado de Xico-esperto. Este último – generalizando conscientemente – é o “espertalhão” que consegue enganar tudo e todos, e orgulhosamente diz “quero lá saber, o Estado que pague”. Felizmente para o “Artista” e infelizmente para todos nós – Portugueses – o Estado carece de competência e tem conceitos de igualdade e justiça, um pouco confusos. Não deixa de ser curioso que a grande parte dos subsídio-dependentes, fazem trabalhos “por fora” e não paga impostos. Mais – e volto a generalizar conscientemente – grande parte tem TvCabo por satélite nas suas habitações sociais e carro à porta de casa. Podem dizer, mas não terão estas pessoas direito a estes bens? Obviamente que sim! Agora não com os meus impostos. O Estado não tem nada que proporcionar – a quem não quer trabalhar – tais bens. Principalmente quando se trata de dinheiro que deveria ter outras funções (mas isso é outro tema, que abordarei no futuro). Como complemento – e prova da veracidade – do que acabo de escrever, recomendo vivamente uma visita aos bairros mais problemáticos do País (sim, os mesmo que possuem as maiores percentagens de rendimento mínimo por metro quadrado). Muito bem senhores Paulo Pedroso e Ferro Rodrigues! Realmente é muito justo! Enfim, mais uma factura que TODOS vamos pagar.
Concluindo, não será a altura de dar um passo em frente na mudança de mentalidade dos Portugueses?

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home